segunda-feira, 26 de maio de 2014

Escola de Paris | Cubismo

22- Maio-2014
Sumário: Escola de Paris | Cubismo
.............................................................................................

Escola de Paris

A Escola de Paris é um formada por um grupo de artistas conhecidos pelos pintores malditos, dada a sua vida desregrada e excêntrica, estes artistas posicionavam-se à margem das vanguardas artisticas.
Teve o seu apogeu artistico entre 1905-1913, momento em que artistas estrangeiros se fixavam nos bairros parisienses de Montmartre e Montparnasse.
Em divergência com as vanguardas a Escola de Paris opta por um estilo figurativo, contudo é evidente a influência do Fauvismo e do Expressionismo na valorização da cor como elemento plástico.

Autores:
Amadeo Modigliani (1884-1920)
Marc Chagall (1887-1985)
Chaim Soutine (1894-1943)
Moise Kisling (1891-1920)
Jules Pascin (1885-1930)
Tsuguharu Toujita (1886-1968)

As caracteristicas artisticas da Escola de Paris passam pela inovação, mudança, lucidez, cepticismo, desencanto com o mundo, mistério, drama e tragédia.
As caracteristicas do autor Mondigliani estão relacionadas com a figura humana, nús elegantes e estilizados e sensualidade, factores considerados obscenos para a época.
Em Soutine, as formas delirantes e expressivas são as caracteristicas mais marcantes, as tintas eram violentamente projectadas na tela, formando cores saturadas e constratantes.
Chagall tinha uma maior independência em relação ao grupo, o universo onírico, os temas enigmáticos, misticos e metafóricos contam a história deste artista.


Nú sentado, Mondigliani 1916
Fonte: http://pt.wahooart.com/Art.nsf/O/8EWCEP/$File/Amedeo-Modigliani-Seated-Nude-with-Necklace-1.JPG


Violinista, Chagall, 1912-1913
Fonte: http://utenti.romascuola.net/bramarte/surrealismo/img/cha20.jpg


Aves mortas, Soutine, 1926
Fonte: http://cloe.no.sapo.pt/aves-mortas-soutine.gif


Interior II (casal com cabra), Chagall, 1911
Fonte: http://caminosdispersos.files.wordpress.com/2011/08/marc-chagall-pareja-con-cabra1.jpg


Boi esquartejado, Soutine, 1925
Fonte: http://photos1.blogger.com/blogger/7537/1587/320/boi_chaim_soutine.jpg

Cubismo

O Cubismo é a vanguarda dominante entre 1907 e 1914, teve como fundadores Pablo Picasso (1881-1973) e Georges Braque (1882-1963).
Mas foi Matisse que em tom critico deixou a frase que viria a ser inspiração para baptizar a vanguarda: "Braque maltrata as formas reduzindo-as a pequenos cubos", na exposição no Armony Show (Nova Iorque, 1913). A frase inspiradora deu a oportunidade a Louis Vauxcelles de atribuir o nome Cubismo à vanguarda.
As questões da forma e do espaço foram as grandes permissas de Picasso e Braque, destruindo radicalmente o modo de representar o espaço, até então representado tal qual como o olho observava.
Inspirados pelo "primitivismo" e pela "Teoria da Relatividade" de Einstein (1905), o olhar cubista podia percepcionar o objecto a partir de diferentes pontos de vista e em simultâneo.
Picasso: "Eu não pinto as coisas como as vejo, mas sim como as penso."
A obra "As meninas de Avignon de Picasso", foi considerada a primeira criação cubista. Obra que respondeu aos anseios de Cézanne, reduzir toda a realidade a estruturas simples e elementares.
Com esta dinâmica, desenvolveu-se a "Fase Cézanniana" (1907-1909), com caracteristicas de geometrização das formas e sobreposição das formas, em que a profundidade foi eliminada bem como o claro-escuro.
Seguiu-se a "Fase analítica" (1910-1912), que corresponde à análise exaustiva dos objectos, decompondo-os e reduzindo-os à bidimensionalidade.
O espaço é fragmentado e reduzido em múltiplos pontos de vista - Quarta dimensão - o tempo.
A "Fase sintética" (1913-1914), caracterizada pela redução do espaço e das formas a um síntese e acumulação de planos.
Caracteristica desta fase também é a introdução das collages, aproximando-se do conceito de abstracção.
A vanguarda tem três movimentos de curta duração, a Section D'or, o Orfismo e o Purismo.

Section D'or
Jacques Villon (1875-1918)
Raymond Duchamp-Villon (1876-1918)
Marcel Duchamp (1887-1968)
Frank Kupka (1871-1957)
Francis Picabia (1879-1953)
Archipenko (1887-1964)

Orfismo
Robert Delaunay (1883-1935)
Sónia Terk Delaunay (1885-1979)
Fernand Léger (1881-1955)

Purismo
Amédee Ozenfant (1886-1966)
Le Corbusier (1887-1966)


As meninas de Avignon, Picasso, 1907
Fonte: http://2.bp.blogspot.com/_BtTgi_2aUfM/TQEasbNNR1I/AAAAAAAAABk/oJb0ZEVaYKE/s1600/Picasso%2B-%2BLes%2BDemoiselles%2Bd%2527Avignon%252C%2B1907.jpg


Casas em L'Estaque, Georges Braque, 1908
Fonte: http://2.bp.blogspot.com/_Oz8TpYs8KLo/SfsyDa_TsDI/AAAAAAAADT8/OqJ4dMpyEQc/s1600-h/houseslestaque+braque.jpg


Champ de Mars. A Torre Eiffel vermelha, Delaunay, 1911
Fonte: http://rlv.zcache.com.br/cartao_da_torre_eiffel_de_robert_delaunay_cartao_postal-raac7151bbcf145c98c9445efd851419e_vgbaq_8byvr_512.jpg


Retrato de Ambroise Vollard, Picasso, 1910
Fonte: http://www.artchive.com/artchive/p/picasso/vollard.jpg


Guitarra e Clarinete, Braque, 1918


Auto-retrato Picasso, 1907
Fonte: http://www.epdlp.com/fotos/picasso7.jpg


Homenagem a Picasso, Juan Gris, 1912
Fonte: http://2.bp.blogspot.com/-FnI4mRKCmVQ/T2zA1PoXDcI/AAAAAAAAB-s/39pOd-lzmsM/s1600/Gris_Homenagem+a+Picasso.jpg


Violino e Uvas, Picasso, 1912
Fonte: http://www.modamanifesto.com/imgs/moda/anaparis/PabloPicasso.jpg


Guitarra, Picasso, 1913
Fonte: http://content-portal.istoe.com.br/istoeimagens/imagens/mi_17554466726189904.jpg


Natureza morta com cadeira de palha, Picasso, 1912
Fonte: http://abstracaocoletiva.com.br/wp-content/uploads/2013/01/Natureza-Morta-com-Cadeira-de-Palha.jpg


Guernica, Picasso, 1937
Fonte: http://upload.wikimedia.org/wikipedia/en/7/74/PicassoGuernica.jpg


Nú descendo a escada, nºII, Marcel Duchamp, 1912
Fonte: http://comunicacaoeartes20122.files.wordpress.com/2013/02/1912_nu_descendo_escada.jpg

Sem comentários:

Enviar um comentário